"Na noite do dia 31, vou olhar para o céu e lembrar de tudo que vivi nesse ano: as mágoas, os sorrisos, as lágrimas, as histórias, os amigos que fiz e os que perdi, os momentos bons e os ruins. E não vou me arrepender de nada. Pois foram todos esses momentos, que fizeram com que esse ano valesse a pena."
"O médico perguntou:
- O que sentes?
E eu respondi:
- Sinto lonjuras, doutor. Sofro de distâncias."
"Abrace-me forte e diga como você se sente."
"Fecho os olhos pra não ver passar o tempo, sinto falta de você."
"Machucou é claro, isso é tão óbvio. Mas temos que agir como se não doesse."
"Quando a gente acha que chegou no fundo do poço, sempre descobre que pode ir ainda mais fundo. Que escrotidão."
"São tantas perguntas, dúvidas, inseguranças e incertezas, que para descrever é mais fácil resumir com um silencioso “Estou perdido” em frente ao espelho."